Dissertação de Mestrado

Autoria: Philippe Leon Anastassakis

Diante das questões emergentes pelas grandes transformações urbanas do Rio de Janeiro na última década, este trabalho investigou as potencialidades de uma fotografia colaborativa. Ele parte, portanto, de duas hipóteses, a saber: a primeira, de que a fotografia – historicamente ligada a um fazer individual – poderia ser realizada de forma colaborativa. A segunda, de que a reestruturação urbana realizada na região do Porto do Rio de Janeiro seja um projeto, sobretudo, de imagem, como estratégia de venda da região para investidores. E, diante dessa hipótese, investiga quais imagens se contrapõem ao imaginário mercantil e levantam questões emergentes da população e dos grupos culturais diretamente afetados por estas transformações. O cruzamento dessas duas questões constrói a complexidade deste trabalho. Inicialmente, foram realizadas pesquisa histórica sobre a região e pesquisa teórica sobre os processos colaborativos no design e na fotografia. Ao final, utilizando as ferramentas do codesign, foram desenvolvidos jogos com imagens sobre a região que serviram para gerar diálogo, levantar questões e imaginar futuros, em um exercício que foi denominado cofotografia.